A música no contexto da cerimónia da Profissão nos mosteiros femininos portugueses (1768-1828)

Cristina Fernandes

Resumo


Uma colecção de votos com notação musical destinados à cerimónia da Profissão das religiosas de alguns mosteiros femininos portugueses e dois volumes com música de António José da Silva Gomes e Oliveira relativa ao mesmo tipo de cerimónia, depositados no Centro de Estudos Musicológicos da Biblioteca Nacional de Lisboa, constituem o ponto de partida para uma abordagem da vida musical nas instituições religiosas femininas durante o Antigo Regime, centrando-se na situação específica da Profissão. Com a finalidade de serem cantados pela própria professante, os votos eram personalizados e adaptados às suas capacidades vocais, já que nos deparamos com várias versões da mesma peça com níveis distintos de dificuldade técnica, e apresentam algumas afinidades com o cantochão praticado em Portugal nos séculos XVIII e XIX. O material musical disponível é analisado, integrado no seu contexto funcional e enquadrado no seio da vivência musical das instituições em causa, tendo em vista os condicionalismos sócio-culturais da época.


Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Copyright (c) 2018 Revista Portuguesa de Musicologia

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.



This site is jointly supported and published by the Portuguese Society for Music Research (SPIM), the Institute of Ethnomusicology–Centre for Studies in Music and Dance (INET-MD) and the Centre for the Study of Sociology and Aesthetics of Music (CESEM). INET-MD and CESEM are both based at the FCSH, Universidade Nova de Lisboa, Portugal, and funded by the FCT-Portuguese Foundation for Science and Technology.